Olá, adeus e tudo mais!


Livro:  Olá, adeus e tudo mais
Autora: Jennifer E. Smith
Editora: Galera Record
Lançamento: 2017
Número de Páginas: 272
Nota: ⭐⭐⭐⭐

Autora de A probabilidade estatística do amor à primeira vista e Geografia de nós dois, Jennifer E. Smith formou-se em redação criativa pela Universidade de St. Andrews, na Escócia, e, atualmente, trabalha como editora em Nova York. 

Sinopse: Ir para a faculdade é um momento emocionante e aterrorizante ao mesmo tempo. Ainda mais se você estiver em um relacionamento em que não tem certeza de seu próximo passo. Clare e Aidan têm apenas uma coisa a fazer na noite antes de partirem para a faculdade: descobrir se devem continuar namorando ou terminar. Ao longo de doze horas, eles irão refazer os passos do relacionamento, na tentativa de descobrir algo no passado que possa ajudá-los a decidir sobre o futuro. A noite os leva a amigos e familiares, marcos simbólicos e lugares inesperados, verdades dolorosas e revelações surpreendentes. Mas, conforme as horas passam e a manhã se aproxima, chega o momento inevitável do adeus. A questão é: será um adeus momentâneo ou para sempre?

Clare e Aidan namoram faz dois anos e, agora, prestes a partirem para faculdades diferentes, precisam decidir o destino do relacionamento. Nem sempre a distância atrapalha, mas na cabeça de Clare, não seria fácil continuarem namorando enquanto vivem em mundos completamente diferentes.
Aidan, por outro lado, tenta provar pra namorada que eles não precisam acabar assim. Porém, ele tem doze horas pra convencê-la disso ou apoiá-la na decisão, pois eles irão embora na manhã seguinte. 




Mais uma vez, Jennifer Smith nos apresenta à protagonistas cativantes e realistas. 
Temos o dilema de dois jovens, prestes a mudarem de vida, mas não querendo deixar coisas pra trás.
Entretanto, nem sempre as coisas acontecem como nos filmes e é isso que Jennifer nos mostra contando esta história. 
Vemos o amadurecimento dos personagens em apenas 12 horas e a dificuldade em dizer adeus aos amigos, família e ao amor. Mas como na vida, eles não sabem o que acontecerá e podem ser surpreendidos pelo destino.
Um livro bem 'pé no chão', romântico, divertido e, ao mesmo tempo, triste; é uma leitura gostosa, com uma escrita fluida e simples. Dá, com certeza, para ler um dia!
A diagramação está ótima, as folhas são amareladas e o jogo de cores na capa - rosa e cinza - ficou ótimo, embora eu acredite que capas com pessoas reais não são uma boa pedida.

"Ainda não - pede Aidan baixinho - Só mais alguns segundos.
Clare não discute.
Ela também não está pronta para soltá-lo." - Pág. 217

Onde comprar: 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Notas de Liberdade

Contos de Viktor Bellafont

Gírias e abreviações do mundo literário!